Bolinhos de Batata doce e Atum

MA – RA – VI – LHO – SOS bolinhos de Batata Doce e Atum.

Deveria iniciar o texto por um “Olá a todos”, eu sei, mas o sabor destes bolinhos ainda está muito  presente nas minhas “paleo” gustativas e o que me apetece escrever é mesmo isto: maravilhosos.

Estes bolinhos são baseados numa receita da Nom Nom Paleo (se não conhecem, aproveitem para dar uma vista de olhos pelo site! Costumo seguir e tem receitas óptimas!).

Adaptei somente à minha “cozinha” e a receita que vos deixo é a que faço.

Pode-se facilmente fazer variações dos bolinhos apenas mudando a proteína. Em vez de atum em lata, pode-se usar bacalhau desfiado – bolinhos de bacalhau, olá! – sobras de salmão grelhado, etc. Saborosos quer comidos quentes, quer frios. Fazem-se num instante e dão para congelar, o que numa hora em que não nos apetece cozinhar, ou que simplesmente não tenhamos tempo, é uma maravilha.

Espero que gostem.

Ingredientes:

  • 2 latas de atum
  • 2 batatas doce médias ou uma grande
  • 2 cebolas pequenas
  • 1 molho generoso de salsa fresca
  • 1 colher de chá de cebolinho seco
  • 2 ovos
  • 1/3 de colher de chá de piri piri
  • sal e pimenta preta qb
  • azeite para untar as formas
  1. Descascar a batata doce, cortar em pedaços médios e colocar numa panela com água a ferver. Cozer durante 20 minutos;
  2. Ligar o forno a 180/200 graus;
  3. Numa tábua (ou processador) picar as cebolas em pedaços pequenos. Colocar numa taça grande;
  4. Picar a salsa juntar à cebola;
  5. Escorrer o azeite do atum ao máximo e juntar à cebola e salsa;
  6. Numa tábua cortar ou esmagar a batata doce em pedaços pequenos e colocar na taça com os restantes ingredientes;
  7. Envolver todos os ingredientes numa massa homogénea. Usar a mão para desfazer a batata doce e o atum;
  8. Colocar o piri piri, o sal, a pimenta preta, o cebolinho e os dois ovos;
  9. Voltar a envolver tentando incorporar os temperos e ovos na totalidade da massa (usar as mãos para desfazer as gemas)
  10. Untar um tabuleiro para cupcakes (ou formas de pastéis de natas) com azeite. Sejam generosos, para não se pegar!
  11. Dividir a massa pelas formas e “achatar”, ou se preferirem, colocar papel vegetal num tabuleiro e moldar na forma de “hambúrguer”.
  12. Levar ao forno durante 20/30 minutos: até espetar um palito e este sair seco.

E já está!

Acompanhar com uma salada fresca ou com uns brócolos cozidos!

Vão ver: MA – RA – VI  LHO -SOS!

A vossa #paleogustativa vai-vos agradecer!

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s